"Só a imaginação transforma, só a imaginação transtorna." / Quintas de Leitura
24-07-2018
Cultura em Expansão
À boleia de um pensamento de Cesariny, o ciclo poético "Quintas de Leitura" galga o leito da tranquilidade e ruma até Aldoar, num envolvimento com este território e sua população que se adivinha íntimo, magnético, relampejante.
Poesia à solta na cidade, poesia em viagem, louca correria, hálito a imaginação.
O tema deste ciclo poético é conhecido:
"Querida imaginação, o que mais amo em ti, é que não perdoas".
A ação, essa, é transparente:
Após um casting aberto aos residentes de Aldoar e depois de uma formação de vários meses, uma espécie de laboratório poético dirigido por Ana Celeste Ferreira, juntam -se artistas locais (dizedores, atores, músicos, artistas plásticos) a "magos" oriundos de outros horizontes, unidos na busca furiosa dos mandamentos que nos são sagrados: a Liberdade, o Amor, o Desejo e a Poesia, a nossa mais profunda e verdadeira via de conhecimento.
São estes os temas que inspirarão uma apresentação final que envolverá todos os artistas selecionados. Uma festa de "encontros", uma festa da Poesia, de Elsinore a Aldoar, porque "entre nós e as palavras há metal fundente".

Com Cesariny aprendemos a arte de inventar os personagens.
"De pé, com os braços muito abertos e olhos fitos no horizonte, chamamos docemente pelos seus nomes e os personagens aparecem".

E, no fim disto tudo, a primeira "Quinta" ao sábado.
Programação João Gesta
Formadora do Laboratório de Leitura Poética Ana Celeste Ferreira
Leituras Patrícia Queirós, Rui Spranger (Pé de Vento); Dizedores de Aldoar; Outros artistas
Spoken Word Berna
Imagem João Alexandrino aka JAS
13 outubro 21h30
Auditório do Centro Paroquial de Aldoar
Rua Professor Melo Adrião, 106
75 minutos | M12