"Florbela Espanca" encerra ciclo dedicado a Agustina
A biografia da poetisa Florbela Espanca (1894-1930) que Agustina Bessa-Luís publicou em 1979 é o mote da sessão que encerra, nesta sexta-feira, o ciclo dedicado à escritora amarantina falecida há uma semana.

A sessão, com início às 19 horas, tem lugar na Biblioteca Pública Municipal do Porto (BPMP), ao Jardim de São Lázaro, e inclui música e leituras por Romi Soares e Rui de Noronha Ozório, numa produção musical da Banda Sinfónica Portuguesa e de Cristina Bacelar com interpretações do Quinteto de Sopros da Banda Sinfónica Portuguesa (Daniela Anjo, Juliana Félix, Ana Rita Petiz, Bruna Carvalho, Telma Gomes) e de Cristina Bacelar e Armando Ribeiro.

Fecha-se assim a série de eventos que o Município do Porto vem promovendo com o Círculo Literário Agustina Bessa-Luís, desde janeiro, e que focou já cinco das obras da escritora, nomeadamente "Dentes de Rato", "Estações da Vida", "Três Mulheres", "O Bodo" e "Pedro e Inês".

O bilhete tem o custo de 3 euros, mas a entrada é livre para leitores das Bibliotecas Municipais, mediante apresentação de cartão de leitor, até à lotação do espaço.

Entretanto, está patente nos claustros da BPMP a exposição de visita livre "Agustina Bessa-Luís: vida e obra", que reúne um original conjunto digital de documentos, fotos, livros e manuscritos que evocam a vida e a obra de Agustina.

Comissariada por Inês Pedrosa e João Botelho, a exposição foi cedida ao Município do Porto pelo Instituto Camões- Instituto da Cooperação e da Língua, IP, até ao final deste mês.