<span>Visitas Virtuais</span>
Preço da água vai baixar no Porto

Apesar dos fortes investimentos que a empresa Águas do Porto tem vindo a fazer na rede de distribuição, no tratamento de águas pluviais e no tratamento de águas residuais no Porto, será possível baixar o preço da água aos portuenses em 2015, segundo uma proposta que Rui Moreira levará à Câmara na próxima reunião privada de terça-feira. A redução de 2,5% no primeiro escalão resulta de uma deliberação do Conselho de Administração da empresa, que Rui Moreira já garantiu "não será nem privatizada nem concessionada", enquanto for presidente da Câmara Municipal do Porto.


Todos os outros escalões manterão o seu preço, pelo que a empresa conseguirá, assim, reduzir o valor da factura aos munícipes da cidade do Porto.


A Águas do Porto tem vindo a investir fortemente na melhoria do ambiente e no atendimento ao cliente no Porto, o que tem sido possível graças aos ganhos de eficiência que tem vindo a obter. Neste momento decorre uma grande intervenção com a colocação de um adutor, obra que tem vindo a desenvolver-se ao longo da marginal do Porto e vai permitir a ligação de duas ETAR, além de um conjunto de obras que decorrem na cidade.


A Águas do Porto é ainda apontada como um exemplo na poupança de energia, tendo desenvolvido com a Universidade do Porto um sistema - "Porto Gravítico" - que lhe permite utilizar a força da gravidade para evitar o gasto de energia elétrica para bombear água, obtendo uma poupança de 95% em custos energéticos.