<span>Visitas Virtuais</span>
Pormenor - Tronco
Pormenor - Flor
Magnolia de flores grandes - Casa Tait

A Casa Tait, ou Quinta do Meio, foi residência de várias famílias inglesas, ficando em 22 de Abril de 1900 na posse de William Tait. A quinta apresenta uma tipologia que remete às Quintas de Recreio associadas à produção, típicas da época. Dentro dos muros altos, mantém ainda uma profunda marca característica das famílias inglesas, configurada num belo arranjo e intimidade dos espaços e nas espécies vegetais aí conservadas. Na propriedade existem dois elementos construídos: a Casa Principal e a Casa-Barracão.

 

Nos jardins, hoje em dia podemos apreciar as belas coleções de rosas e camélias, um majestoso Liriodendron tulipifera, classificado como de interesse público desde 1950, entre outras árvores existentes na mata. Destas, destacamos em proposta de classificação uma Magnolia grandiflora (magnólia sempre verde ou de flores grandes), com as suas belas flores brancas, os seus 22 metros de altura e projeção de copa quase semelhante, impondo-se sobre as outras árvores da mata pela majestosidade individual.

 

Como fatores de reforço ao seu valor apontamos a idade (mais de 100 anos), a arquitetura próxima do natural, apesar da competição com outros exemplares vizinhos e quase ausência de sinais de intervenção, potencialmente desestruturantes ou fonte de fragilidade.

Magnolia grandiflora L.
mais de 100 anos
Publicação de classificação pendente
Rua de Entre-Quintas nº 219, Casa Tait
Municipal
Magnólia de flores grandes
22.7
19.8
6.25
4.45