Prémio João de Almada 2017
12-04-2017

Estão abertas até 28 de abril as candidaturas ao Prémio João de Almada, instituído pela Câmara do Porto em 1987 com o objetivo de incentivar e promover a recuperação do património arquitetónico da cidade.


O referido prémio é atribuído pela autarquia ao melhor exemplo de reabilitação que tenha sido concluído na cidade, durante o período de dois anos a que cada Prémio se refere - na presente edição, todavia, serão consideradas obras concluídas entre abril de 2014 e abril de 2017, dado que na edição anterior não houve deliberação do júri por ter sido proposta uma alteração regulamentar. Além do aumento do valor, passam a existir duas categorias do Prémio (para intervenções em edifícios residenciais e não residenciais). Todas as candidaturas submetidas em 2016 serão consideradas, pois, para esta nova edição, que acolhe ainda novas candidaturas de obras, entretanto, terminadas nos últimos 12 meses.


Ao trabalho premiado será entregue o valor de dez mil euros, cabendo três mil ao proprietário e sete mil ao arquiteto responsável pelo projeto e obras de recuperação. Poderão ainda ser atribuídas menções honrosas.


Este Prémio foi atribuído pela primeira vez em 1990 à recuperação do Edifício do Círculo Universitário do Porto, uma obra de Fernando Távora. De então para cá já foram galardoadas as obras do Edifício da Ordem dos Arquitetos (Helena Rente, José Carlos Portugal e Tiago Falcão), do Teatro Nacional de S. João (João Carreira), do Teatro Rivoli (Pedro Ramalho), da Ilha das Aldas (Pedro Mendes), do Edifício na Rua da Cerca, 5-7 (Barbosa & Guimarães), do Palacete Boaventura de Sousa (António Portugal & Manuel M. Reis), do Palácio das Artes (Alfredo Ascensão & Paulo Henriques), da Escola Secundária Clara de Resende (Carlos Prata) e do prédio de rendimento da Fundação Marques da Silva (Francisco Barata, Nuno Valentim e José Luís Gomes).


Na presente edição, o júri será presidido pelo presidente da Câmara do Porto, Rui Moreira, com a tutela da Cultura, e constituído por um representante de cada um dos seguintes organismos: Direção Municipal de Cultura e Ciência da Câmara Municipal do Porto; Direção Municipal de Urbanismo da Câmara Municipal do Porto; Direção Regional de Cultura do Norte; Faculdade de Arquitetura da Universidade do Porto; Ordem dos Arquitetos - Secção Regional Norte; Ordem dos Engenheiros - Região Norte; e pelo arquiteto vencedor da edição anterior.


As candidaturas ao Prémio João de Almada deverão ser apresentadas até 28 de abril, pelo arquiteto responsável e/ou pelo proprietário do imóvel objeto da intervenção.

 

Mais informações:

Casa Tait - Rua de Entre Quintas, 219 - 4050-240 Porto

telf: 22 605 7000; Património Cultural da Câmara Municipal do Porto