Casa Oficina António Carneiro
16-06-2016

A Casa Oficina António Carneiro foi construída na década de 1920 para atelier dos artistas António Carneiro (1872-1930) e seu filho Carlos Carneiro (1900-1971), figuras marcantes da arte portuguesa, nomeadamente nos contextos Simbolista e Modernista, respetivamente. Aqui viveu, também, o outro filho de António Carneiro, o compositor Cláudio Carneiro (1895-1963). Foi comprada pela Câmara Municipal do Porto, que a abriu ao público em 1973.

O espólio da Casa Oficina António Carneiro é composto por cerca de três centenas de obras de arte do artista, das quais se destacam o estudo final para A Vida, obra da transição do século XIX para o século XX, a grandiosa tela Camões lendo Os Lusíadas aos frades de São Domingos, os autorretratos e um conjunto de retratos da família, bem como as marinhas, os interiores de igrejas e as panorâmicas da cidade do Porto. Integra ainda fotografias, correspondência, livros, catálogos, mobiliário e materiais diversos de pintura. A Casa Oficina António Carneiro fica integrada num lote com um pequeno jardim.


A partir de 31 de julho de 2017 a Casa Oficina António Carneiro estará temporariamente encerrada para obras de renovação. 


Rua de António Carneiro, 363. 4300-027 Porto

+351 225 379 668

oficinaacarneiro@cm-porto.pt

 

Autocarro: 69, 70, 94, 206, 800, 801, 301, 207, 400

Metro: Heroísmo

Estacionamento: Campo de 24 de Agosto, Central Shopping, STOP